Remo no CFP

, ,

10 a 14 de Abril: REMO – ESTÁGIO DE PÁSCOA

Uma  vez mais a Secção de Remo do Clube Ferroviário de Portugal aproveitou as férias escolares de Páscoa para efetuar um estágio.

Desta feita o estágio decorreu em Avis entre 10 e 14 de abril, contando com a presença de 20 atletas, e tendo como objetivo a preparação das equipas que irão disputar as futuras regatas que se avizinham, no Calendário Nacional.

Contrariamente ao habitual, foram utilizadas as instalações da residencial Avis, uma vez que os apartamentos do Parque de Campismo de há muito, sido reservados por uma Universidade de Londres, que também decidiu fazer um estagio de Remo nestas férias da Páscoa.

Acompanharam este estágio o treinador António Arnega e o diretor Mário Melo.

 

, ,

26 a 28 de Fevereiro – REMO – ESTÁGIO DE CARNAVAL

Uma  vez mais a Secção de Remo do Clube Ferroviário de Portugal aproveitou as férias escolares de Carnaval para efetuar um estágio.

Desta feita o estágio decorreu na barragem do Maranhão – Avis, entre 26 e 28 de Fevereiro, e teve como objetivo a preparação final das equipas que irão disputar o Campeonato Nacional de Fundo em shell, no próximo dia 5 de Março em Gondomar, pista de Melres.

Como é já habitual, foram utilizadas as instalações do Parque de Campismo junto à barragem, e estiveram presentes os seguintes atletas:

_ Em skiff  juvenil masculino – João Gonçalves

_ Em quadriscull  juvenil masculino – António Elias/ João Sousa/Tomás Guerreiro/Francisco Vasconcelos

_ Em skiff  senior – Henrique Antunes, Inês Cardo e Rodrigo Couto

_ Em double scull veterano –  Santos Luiz / João Tocha

Acompanharam este estágio o treinador António Arnega e o director Mário Melo.

 

, ,

25 de Fevereiro – REGATAS “PRIMEIRAS REMADAS” E “REMO JOVEM”

No dia 25 Fevereiro 2017 a Associação de Remo do Sul e Ilhas (ARSI), com a colaboração do Grupo Desportivo Fabril (GDF), organizou  no Barreiro as seguintes Regatas:

  • “Primeiras Remadas FPR”, destinada a praticantes com reduzida experiência e que nunca participaram num Campeonato Nacional, remando em embarcações Boti-Bota (BB);
  • “Remo Jovem ARSI”, para praticantes já com experiência em embarcações skiff (1X).

Esta primeira competição de Remo Jovem da época, na região Sul, contou com a participação de 80 jovens de seis clubes.

Foram realizadas 46 regatas em skiff, no abrigado plano de água de Alburrica.

Cada jovem pôde fazer duas regatas na água e uma prova de ergómetro, sendo as classificações obtidas por cronometragem, pela soma do melhor tempo na água com o tempo no Remo Indoor. Foram muitos os remadores a evidenciar já uma boa técnica e uma boa velocidade no barco.

Um agradecimento à boa ajuda prestada por alguns dos pais, no apoio geral que, com atletas destas idades, se constitui de uma enorme utilidade.

São apresentados em anexo todos os resultados dos nossos jovens participantes pelo Clube Ferroviário de Portugal.

 

 

, ,

18 de Janeiro – Remo no Clube Ferroviário de Portugal

A secção de remo do Clube Ferroviário de Portugal situa-se na Doca de Santo Amaro, em Alcântara, e disputa os Campeonatos Nacionais de Remo em todas as categorias.

Tem diferentes classes de remo: Aprendizagem, manutenção e competição, com área de tanques para remo indoor com capacidade para 12 remadores e diferentes zonas de treino com máquinas, para remo indoor (ergómetros) e musculação.

Visualiza este vídeo https://youtu.be/JCAVSxO-8VI e vem visitar-nos!

, ,

Festival de Clubes de Mar

No âmbito da candidatura de Lisboa a Capital do Desporto 2021, deslocou-se à nossa capital, em visita de cortesia, a delegação da ACES Europa, que assistiu a uma demonstração de actividades náuticas na Doca de Pedrouços, nas modalidades de Remo, Vela e Paddle.

Estas actividades foram desenvolvidas por todos os clubes de Lisboa participantes no projecto “Clubes de Mar”.

No encerramento desta demonstração foram entregues pela Câmara Municipal de Lisboa os Contrato-Programa de Desenvolvimento Desportivo aos Presidentes dos seis Clubes que participam nesta iniciativa.

O Cube Ferroviário de Portugal esteve representado pelo seu Presidente Guilherme Gonçalves e por uma delegação do Remo e diferentes equipamentos da modalidade: ergómetros e barcos Yolle de 4 remos.